Novidades
Início / LIÇÃO ADOLESCENTES - 2° TRIMESTRE 2018 / Adolescentes: Lição 11 – Preso Numa Ilha – 09 a 16 de Junho 2018

Adolescentes: Lição 11 – Preso Numa Ilha – 09 a 16 de Junho 2018

Print Friendly, PDF & Email

 

 



TEXTO CHAVE

“Eu, João, irmão e companheiro de vocês no sofrimento, no Reino e na perseverança em Jesus, estava na ilha de Patmos por causa da palavra de Deus e do testemunho de Jesus” (Apocalipse 1:9).


SÁBADO A TARDE – 09 DE JUNHO 2016  – INTRODUÇÃO

O apóstolo João estava ciente de que sua fé em Jesus resultaria em conflito com os líderes judeus e as autoridades romanas. Ele viu os fiéis sendo assassinados e presenciou a execução de seu irmão. Mesmo assim, João não tinha a menor dúvida de seu amor a Deus e à Verdade. Suas pregações e milagres evocaram a ira do imperador romano Domiciano, que primeiro tentou matar o apóstolo jogando-o num caldeirão de óleo fervente antes de exilá-lo para a ilha de Patmos.

*Geralmente, o Senhor conduz as coisas de tal forma que o mal que o ser humano intenta causar acaba exaltando e glorificando Seu santo nome* – e foi exatamente isso que aconteceu na ocasião em que João foi perseguido.

Em sua velhice, João retornou da ilha de Patmos com sua fé e testemunho fortalecidos. Ele usou sua experiência para continuar a edificar a fé cristã. João foi uma fiel testemunha até a morte – que ocorreu por causas naturais. Não sabemos se pereceremos durante uma perseguição ou não, mas podemos estar certos de que Deus nos concederá a graça necessária para enfrentarmos as provações.


DOMINGO, 10 DE JUNHO 2018 – ESTUDANDO E APLICANDO A HISTÓRIA

Você percebeu que sempre que a mídia apresenta algo relacionado a Apocalipse mostra destruição e caos? No entanto, não existe nada mais longe da verdade. *Apocalipse quer dizer “revelação”. Leia em sua Bíblia o texto de Apocalipse 1:1-11* e depois responda às perguntas a seguir. Você terá algumas surpresas!

Você já havia lido alguma parte do livro de Apocalipse? O que chama sua atenção sobre o que João escreveu no início?
—————————————————————————————————————————————————-

Para quem João está escrevendo? Quem é o público desta mensagem?
————————————————————————————————————————————————-

Qual é o tom da mensagem de João? Ele parece triste? Ele está feliz? Escreva uma frase descrevendo o tom da mensagem inicial de João.
———————————————————————————————————————————————–

Onde estava João quando ele recebeu essa visão de Deus? O que ele estava fazendo?
———————————————————————————————————————————————–

Leia o verso 9 novamente. Por que João foi enviado para a ilha de Patmos? Quais eram as acusações contra ele?
——————————————————————————————————————————————–

O que a mensagem de João nos ensina sobre perseverar em meio às dificuldades?
——————————————————————————————————————————————–


SEGUNDA-FEIRA, 11 DE JUNHO 2018

Leia o Texto-Chave desta semana, que se encontra em Apocalipse 1:9. João foi deportado e exilado na ilha de Patmos como mais uma tentativa de seus inimigos para silenciá-lo.

A primeira vez foi por meio de um caldeirão de óleo fervente, onde o apóstolo foi lançado por ordem do imperador Domiciano. No entanto, “o Senhor preservou Seu servo fiel assim como preservou os três hebreus na fornalha ardente” (Os Embaixadores, p. 262, 263).

O lugar em que seus inimigos achavam que João morreria por causa das dificuldades e aflições se tornou para ele “a porta do Céu. *Longe do trabalho intenso de sua juventude, ele tinha a companhia de Deus e dos anjos celestiais.* Eles lhe descreveram os eventos finais da história da Terra e, naquela ilha, ele escreveu as visões que recebeu de Deus. As mensagens que recebeu naquela costa árida revelavam os planos estabelecidos pelo Senhor a respeito de todas as nações da Terra” (Ibidem).

De fato, o melhor lugar do mundo é aos pés do Salvador. João vivenciou essa experiência e pôde ser um instrumento poderoso para transmitir a mensagem tão necessária para os nossos dias.

Mais uma vez na história dos filhos de Deus uma situação terrível foi transformada em bênção! Quando tudo à sua volta parecer ruir e não for possível enxergar solução, lembre-se de que Deus pode realizar o impossível e transformar o cenário de sua vida também.


TERÇA-FEIRA, 12 DE JUNHO 2018 – VOCÊ SABIA?

• Na época de João, Patmos era uma colônia penal onde os prisioneiros trabalhavam ajuntando pedras das antigas pedreiras na ilha. Era trabalho pesado, destinado a humilhar os piores criminosos.

• Domiciano, o imperador que exilou João em Patmos, era um homem muito inseguro, o que o levou a agir com tremenda violência e brutalidade. Ele não confiava em ninguém. Alguns historiadores relatam que cada cômodo de seu palácio era equipado com espelhos para que pudesse ver quem estava à sua volta o tempo todo.

• Nas questões políticas, Domiciano exigia estrita lealdade do Senado romano, executando os membros que discordavam dele. Insistia em ser chamado de Dominus et Deum(Senhor e Deus).

• O cenário em Patmos deixou evidente a João as marcas do Dilúvio.

• A ilha de Patmos existe ainda hoje. Está localizada no Mar Egeu e possui cerca de 3.000 habitantes. Hoje é um destino turístico para as pessoas que estão à procura de uma fuga do barulho e do estresse.

• João viveu até a velhice. Ele testemunhou a destruição de Jerusalém e do templo. *Foi o último discípulo sobrevivente que havia se relacionado intimamente com o Salvador. Por isso, sua mensagem teve grande influência.


QUARTA-FEIRA, 13 DE JUNHO 2018 – VERSOS DE IMPACTO

João 16:1, 2
2 Coríntios 12:9, 10
Salmos 146:8

Leia e marque em sua Bíblia os Versos de Impacto desta semana. Todos eles relatam o desafio de enfrentar lutas e adversidades. Considere João 16:1,2. Jesus disse aos discípulos que algumas pessoas Lhe fariam mal e alegariam que estão servindo a Deus ao fazerem isso. Você já ouviu sobre alguma situação assim?
________________________________________________________

A maioria de nós talvez jamais seja chamada para fazer os sacrifícios que o apóstolo João fez por causa de sua fé. Provavelmente nunca seremos presos por causa de nossa fé, e a chance de que alguém tente nos “fritar” vivos é quase nenhuma. Mas, de certa maneira, “todos os que desejam viver piedosamente em Cristo Jesus serão perseguidos” (2Tm 3:12).

Pense em questões que têm sido defendidas socialmente e que são contrárias à Palavra de Deus. *Posicionar-se pelo “assim diz o Senhor” pode gerar algum tipo de perseguição atualmente? De que tipo?*
________________________________________________________


QUINTA-FEIRA, 14 DE JUNHO 2018 – FLASH

“Os judeus estavam cheios de um ódio cruel contra o apóstolo. Eles diziam que seus esforços seriam inúteis enquanto o testemunho de João continuasse soando aos ouvidos do povo. Para ajudar as pessoas a se esquecerem dos milagres e dos ensinamentos de Jesus, eles deviam silenciar a voz dessa testemunha ousada. Então João foi convocado para ir a Roma. Seus inimigos esperavam provocar sua morte, acusando-o de ensinar heresias traidoras” (Os Embaixadores, p. 262).

João foi levado diante do imperador Domiciano sob falsas acusações. Ele não tinha feito nada errado, contudo o falso testemunho de homens maus o levaram à condenação. Leia o capítulo 56 do livro Os Embaixadores e observe os detalhes desta história.

Ellen White diz o seguinte sobre esse episódio da vida do apóstolo amado: “João se defendeu de uma maneira clara e convincente. *Contudo, quanto mais convincente era seu testemunho, mais profundamente seus adversários o odiavam.* O imperador Domiciano ficou irado. Ele não podia contestar o raciocínio do fiel representante de Cristo, mas decidiu silenciar sua voz” (Os Embaixadores, p. 262).

Que conselho deixou Jesus para quando tratarmos com pessoas que nos acusam falsamente? (Lc 6:22).
____________________________________________________________

Como devemos responder a pessoas que procuram nos prejudicar? (Lc 6:27-36).
____________________________________________________________


SEXTA-FEIRA, 15 DE JUNHO 2018

A lição desta semana nos mostra que não nos tornamos cristãos do dia para a noite. *As provações são instrumentos de Deus para aperfeiçoar nosso caráter e nos atrair para mais perto dEle.* João testemunhou muitas vezes isso ao longo de sua vida.

Seu irmão, Tiago, foi decapitado em 44 d.C. Filipe foi torturado na Frígia, lançado na prisão e mais tarde crucificado em 54 d.C. Mateus foi morto com uma alabarda (arma antiga) em 60 d.C. Tiago, o menor, irmão de Jesus e autor do livro de Tiago, foi apedrejado pelos judeus até a morte, aos 94 anos. A lista não para por aí…

João sabia que sua vida corria perigo, mesmo assim permaneceu fiel a Deus. Como podemos permanecer fiéis em meio à adversidade? A vida de João responde a essa pergunta: Ele entregou sua vida a Jesus. Para João, o sacrifício do Filho de Deus foi tão precioso que ele considerou uma verdadeira honra partilhar dos sofrimentos de Cristo. Não devemos nos preocupar quanto à questão se seremos capazes de permanecer fiéis em provações semelhantes. Nossa única responsabilidade é sermos fiéis a Deus todos os dias e confiarmos nEle para suprir cada uma de nossas necessidades no momento da provação.

Se permanecermos fiéis, nós também, assim como João, receberemos novas revelações de Jesus Cristo em nossa vida.

Leitura da Semana*

• Os Embaixadores,
capítulo 56

*COM*
*SORTUO*
*OLHOS*

“Se pensar em suas duras experiências e lembrar que toda experiência produz em você alguma força latente, então crescerá forte e feliz, não importa quão adversas pareçam ser as circunstâncias.” – John Heywood

“Mares calmos não formam hábeis marinheiros.” – Anônimo.


 

Comentários do Facebook

sobre Portal da Escola Sabatina Online

O Portal da Escola Sabatina Online, Foi criado no dia 31 de Dezembro 2016 com o único intuito é incentivar a todos interessados a estudarem a LES e lhe concedendo a oportunidade de terem acessos diariamente pela via online. Todos os conteúdos do Portal é extremamente de máxima qualidade! Whatsapp: (027) 99777-2514 - Thiago Oliveira

Além disso, verifique

Primários: Lição 03 – Água Viva – 21 a 28 de Julho 2018

  VERSO PARA DECORAR “Quem beber da água que Eu lhe der nunca mais terá …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fale Conosco!!